Applefag gay

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.



Cata bagulho.jpg
Puxa-saquismo aqui não, cazzo!

Ninguém dá a mínima pra o que você gosta. Evite emporcalhar o artigo com sua opinião inútil de retardado
Lembre-se: seja engraçado e não idiota, pois os haters estão de olho



60px-Bouncywikilogo.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Apple.
O logo gay da Apple inspirado na bandeira LGBT.
Propaganda apelativa usada pela Apple para atrair o público feminino.
Bill Gates vendo pornô no MacBook.
Micro$oft divulgando o produto por caridade.
Nicky Hilton rodando a bolsinha da Apple.
Steve Blow Jobs apresentando o novo iDiva.
Que máquina!
Típicos fanboy da Apple.
O logo do Finder parece dois homens se beijando, Coincidência? Eu acho que não!.
Steve chupando uma maça vermelhinha.
Propaganda de um traveco se aproveitando da Apple, que tal chupar uma maçã?
Usuários da Apple usam PCs velhos como suporte para os PCs mais novos.
Você é tão tarado que nem percebeu que ela está usando Windows 7 nos Mac.

Nota: o trecho seguinte está "compactado" de modo a despoluir visualmente o contexto da página toda.

Cquote1.pngVocê quis dizer: Mapple?Cquote2.png
Google sobre Apple
Babel fish.gifTraduzindo: Maçã
Babel Fish sobre Apple
Cquote1.png Maldita concorrência traiçoeira! Cquote2.png
Bill Gates sobre Apple
Cquote1.png Ja comi Cquote2.png
Adão sobre Apple
Cquote1.png Ai... minha cabeça. Cquote2.png
Newton sobre Apple
Cquote1.png Hey, hey apple! Cquote2.png
A Laranja Irritante sobre Aplle
Cquote1.png Odeio Apples! Cquote2.png
Eva sobre Apple
Cquote1.png Come, pó comê!! Tem vergonha não, come ela! Cquote2.png
Serpente sobre Apple
Cquote1.png Você está demitido Cquote2.png
Roberto Justus sobre Steve Jobs
Cquote1.png Prefiro banana Cquote2.png
Apple fanboy sobre Apple
Cquote1.png 3 por 10, 3 por 10 Cquote2.png
Feirante sobre Apple
Cquote1.png Sim, eles possuem armas de destruição em massa, de PCs Cquote2.png
Bush sobre Apple
Cquote1.png Acabei com ela Cquote2.png
Guilherme Tell sobre Apple
Cquote1.png Porra de maçã filha da puta do caralho Cquote2.png
Dercy Gonçalves sobre Apple
Cquote1.png Noobs!! Cquote2.png
hacker sobre Apple
Cquote1.png Ai, eu amo o modelito iBook cor PINK deles!!!! Cquote2.png
Apple fanboy enchendo o saco denovo
Cquote1.png Eu gosto do iVibrator Cquote2.png
Apple fanboy denovo sobre Apple
Cquote1.png CALA A BOCA! Cquote2.png
Chuck Norris sobre Apple fanboy

A Apple é uma empresa fabricante de maças do amor, computadores e vibradores. A Apple deixou há muito tempo de ser uma fabricante de computadores para ser um modo de vida para todos os gays do mundo. A Apple não tem somente consumidores, mas sim seguidores de uma seita satânica. Foi eleita uma das marcas mais caras do mundo, seus produtos custam em torno de mais de 8 mil reais. Tornou-se um exemplo de como os homossexuais são consumistas tratando-se de tecnologia. Stivi Jóbis, um hippie pseudo-maconheiro com tendências homossexuais, volta a brilhar no mundo fashion com seu iFag depois de um período de ostracismo e disfunções gástricas. Os computadores Apple não fizeram muito sucesso no Brasil, pois os brasileiros são pobres demais para comprar os produtos da Apple.

Tabela de conteúdo

O Profeta

Ele é a personificação dos fanboys da Apple. Steve Jobs ficou rico vendendo computadores cheios de frufrus e frescuras para homossexuais. Hoje, os usuários mais gays usam MacBooks. Chegou a ser mandado embora da própria empresa por excesso de viadagem, ele queria encher os PCs da Apple com frescuras, queria deixa-los cor de rosa e mais finos que papel, mas acabou sendo demitido (graças á deus).

Por alguns anos, tentou sem sucesso dar a volta por cima. Alguns anos atrás, voltou à empresa travestido de faxineira e subiu até a sala de executivo e pagou um boquete para o chefão da empresa, que o readmitiu por bom comportamento. Mais tarde, ele criou o Spam para Windows, sua sabotagem levou a concorrência á falência.

Jobs conseguiu essa façanha inovando os Macintosh já existentes, deixando-os finos e cor de rosa, acompanhado de uma interface gráfica mais bonita e cheia de frescuras, junto ao Macintosh vinha um pênis de borracha cor de rosa. O trabalho de marketing foi tão apelativo que, 14 meses antes do lançamento, já havia filas de gays na espera para comprar o novo produto. A grande sacada do computador está no seu design. As carapaças coloridas dos micros, cheia de lantejoulas e paetês, conquistaram a comunidade gay, que comprou em massa o novo computador.

O começo da Apple

Ao lado de seu namorado espírita Steve Wozniak, Jobs fundou a Apple Computer em 1976 com o lançamento do Apple I e logo depois o Apple XXIV, comprovando que ele não sabia contar. Mas isso foi só o começo; com a Apple escravizando meio mundo com seus computadores "gays" e caros, a partir de 1979 iniciaram uma campanha de incentivo á mudança de sexo, onde Steve Jobs promoveu um discursso anti-homofobia. Era o então projeto XupaTosha, que ainda estava em suas cabeças e no papel higiênico que usara. Este projeto sugeria o desenvolvimento de uma interface gráfica baseada por navegação de janelas, portas e escadas. Tudo isso acionado por uma ratazana em uma roda giratória. Mas logo depois foi trocado por um rato, por causa de seu tamanho menor.

Essa ideia, acreditam os historiadores, foi xerocopiada da Xerox, que já vinha a algum tempo, fazendo experiências com animais e computadores. Como a Xerox é uma gigante do Informática, usava animais muito grandes nos projetos e acabou nunca chegando a lugar nenhum com tais experimentos. Técnicos da empresa explicaram que era muito difícil e perigoso por a mão em um rinoceronte. Ele também fedia muito e acabava cagando na sala toda.

Macintosh era um computador supervalorizado, lançado em 1984 com um grande estardalhaço através de uma campanha publicitária milionária nos intervalos da Super-Bowl e folhetinhos feitos em mimiógrafo e distribuidos nos semáforos. Este comercial de TV foi emblemático pela sua falta de criatividade, plagiada do livro 1984 de George Orwell, que sugeria a liberdade total de escolha sexual, sobre tudo e também uma dieta exclusivamente composta de frutas. Estava oficializado o slogan Fuck Different que marca todos os produtos criados por Steve Blow Jobs.

Saída da Apple

Em 1985, Jobs deixou a Apple sob polêmicas de assédio sexual em funcionários da Apple, mais tarde fundou um bar gay, que lhe rendeu ideias inovadoras para novas conecções de dados. Tornou-se expert em cabos. Em 1986, comprou a Pixar da LucasFilm, que anos mais tarde ficou famosa por uma nova linguagem de animação e filmes pornô em 3D.

Em 1996 a Apple, que estava desenvolvendo um novo sistema operacional comprou, de Steve Jobs, a NeXT Computer para poder utilizar-lo como base para o seu novo sistema operacional. Com esta operação Jobs voltou para as capas das revistas G Magazine, para a Apple, drogas pesadas e travestis.

Em 1997 como consultor e rei da cocada, que afundou a compania, mais uma vez com uma ideia e um produto inútil consumido por gays capitalistas e gordos, iMac era pra muitos americanos, um objeto de adoração, que muitas vezes era enfiado no ânus ou sodomizado.

Sob a orientação de Jobs, a Apple faliu, suas vendas relativamente baixas levaram Jobs a depressão. O iMac foi o primeiro computador introduzido no cu sem dor. Possuía várias características marcantes, como por exemplo: sua interface rosa, wallpaper de pênis, parecia um PC e pelo material utilizado (papelão) cheio de lantejoulas, o que decretou a morte da cor padrão para PCs (o bege) passando á ser cor de rosa. Desde então, Jobs vinha trabalhando muito em ideias improdutivas como limpador automárico de caca, um tipo de água que não molha e um binóculo para cegos.

Anos atrás, a Apple revolucionou o ramo mobiliário, inventando o abajur para computador, um abajur que era ligado via USB e iluminava toda a sala, a invenção foi mal recebida por ser inútil e gastar muita bateria.

O ramo do FastFood recebeu o nome de "Macdonalds", em homenagem aos antigos Macs. A rede MacDonalds está cogitando a mudança do nome de seu mais famoso lanche de BigMac para NanoMac. Existe um receio de sua diretoria que o lanche fique menor.

Com a introdução em 2002 do tocador portátil de música iBode, que já não cabia mais nada no cu de seus consumidores, pois já havia muita tralha enfiada goela abaixo dos consumidores da Apple, todos foram forçados á comprar merda, foram todos influenciados por propaganda apelativa. O produto inútil é atualmente uma "febre de consumo" no Paraguai. Mais tarde surgiram os vibradores da Apple, conhecidos popularmente como "iFode" que tem a função de satisfazer donas de casa e gays do ramo tecnologico.


Rivalidades

A rivalidade de Steve Jobs com Bill Gates, oponente e dono da Microploft, já é elemento cultural do setor. Essa disputa pode ser conferida no filme produzido pelo Canal do Boi, "Pirates of Silicone Boobs", que aborda a biografia deles, das suas empresas e em cenas íntimas com prostitutas de Nova York. Uma história verossímil onde nomes, lugares, datas, ações, frases e o equipamento com defeito foram trocados para preservar a identidade das pessoas e animais envolvidos (ou não).

Louvado seja o Download

Com tanta devoção com a marca, a própria Apple construiu, ao redor de tal idolatria, uma nova igreja. É a Appleritismo do Sétimo Bit.

Ela começou com uma pequena capela nos arredores do Vale do Silício e acabou expandindo-se para todo os EUA. Hoje, possui mais de 300 Cyber Igrejas e 27 Catedrais Mainframes, que processam mais de 453.000.000 de bits de pecados por segundo. A Apple também criou uma rede de venda de músicas gospel e indungências via internet.

Steve Jobs acredita que todos os seres humanos deveriam ter acesso ao céu e a uma rede wi-fi. Ele hipinotizou milhares de bichas. Steve Blow Jobs nos explica que tudo são dogmas;

- Você tem que acreditar no que nunca viu. Deus por exemplo é um dogma, você tem que acreditar sem nunca te-lo visto, só eu vi ele até agora, será que sou louco? Não! é por que estou morto, mas todos precisam acreditar que ele existe. Isso também se aplica aos Bytes. Ninguém vê eles, mas eles existem, acreditem. - comenta Steve Blow Jobs.

Seus fanáticos seguidores, através de sua cega devoção, recebem em troca o que há de pior em tecnologia e suco concentrado de maçã, mas somente durante a garantia do produto.

Especialistas em Teologia e Tecnologia consideram tal aperfeiçoamento religioso, uma atualização das antigas doutrinas, quase uma versão 2.0 de Deus.

Concorrência

Dentre suas maiores concorrentes está a Sucos Ades, Coca-Cola, Zaeli, Cobra D'Água. Microsoft é a desenvolvedora de softwares e janelas de alumínio, as vezes até de Inox. A Microsoft tem vendido computadores e softwares para empresas importantes e para uso pessoal, enquanto a Apple só vende computadores para riquinhos filhinhos de papai e gays que gostam de computadores em forma de pênis.

Ecologicamente incorreto

Atualmente o fator de maior disputa entre a Apple e suas concorrentes é a redução de emissão de carbono na atmosfera. A Apple saiu perdendo mais uma vez, criando uma caldeira de carvão mineral poluente para seus micros. Steve Jobs previa que em a 10 anos, se o mundo ainda existisse, nenhum computador precisará mais de chaminé, mas seus expectativas falharam. Ela criou também um selo rosa para cada produto da empresa. Esse selo não tem utilidade prática nenhuma, mas dizem os marketeiros da empresa, que as caixas dos micros ficam super fashion com um monte de bolinhas rosas coladas.

Mudança de sexo no nome

Com o lançamento de três novos produtos, o IPod, iPhone e o Iphod durante a MacWorld 2007, a Apple anunciou a mudança de sexo de seu empresário e fundador da empresa, Steve Jobs. Seu novo nome é Jessyca ou Priscila, nomes que exprimiam para eles, um certo desejo, mas acabaram optando por Stevia por recomendação estilistas de nomenclatura. Esta mudança ocorreu principalmente pelo novo posicionamento do pênis de Jobs que passou á ser interno. Em memorando da diretoria que vazou para a Internet, os maiores acionistas da Apple acharam que a empresa poderia ser como um saral de Kama Sutra, adotando sempre novas posições sexuais.

Produtos

Veja abaixo a galeria de fotos de alguns produtos da Apple:

Imagem facilmente vista nos computadores Apple.

Imagem que fará os macfags dar piti

Gatesmelhorquesteve.jpg


Steve Jobs falando merda e deixando Bill Gates enfurecido


Apple VS. Microsoft, assistam o vídeo e tirem suas conclusões

Resultado: computadores são uma merda


Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas