Desnotícias:Goblins atacam estudantes africanos e são mortos por um Bahamut invocado por um zulu

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Desnoticias logo.png

Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

Matabeleland Sul, África

Os goblins que atacaram as pobres crianças africanas protegidas por Eduardo Cunha.

A notícia é velha pra caralho, trazida para vocês pela Acre News, a esta altura os estudantes adolescentes já devem ter tido uns sete filhos subnutridos, mas o que importa é a piada.

Em 2013, um grupo de estudantes de práticas mágicas e macumbas em geral, que de acordo com o Guardião Universal formavam uma seita chamada de satânica, foi pego de surpresa, quando apareceram alguns goblins armados com machados e clavas, querendo alimentar-se da carne magra deles, livre de gorduras, para incluir em sua alimentação visando a hipertrofia, o que possibilitaria suas evoluções para trolls.

Para proteger as crianças de seu vilarejo, o prefeito/pajé/pai de santo do local fez a invocação do Bahamut, que desceu dos céus e soltou um Megaflare nos pequenos meliantes, carbonizando a todos na mesma hora e garantindo 500 exp para todos os envolvidos, além de drops de poções e cerca de 200 gold.

Após o acontecimento, os anciões passaram a fazer rituais sugeridos por Shiva para proteger sua aldeia das criaturas subordinadas ao Imperador Palamecia, que não mais atacaram desde então.


Fontes[editar]