GRES Beija-Flor

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Rioband.jpg Coé, merhmão, eshte arhtchigo eh CARIOCA!

Não vandalize, senão a chapa vai ficarh quentche, cara. Agora deixa eu irh na praia pegarh um bronze nesse sol de 50 graush, comendo unsh bishcoitosh.

Jamelão Mangueira.jpg

"QUEM VAI-VAI VER A MANGUEIRA ENTRAR?"
"Quem não gosta de samba, bom sujeito não é: ou é emo, ou funkeiro, ou paulista, ou mané!"

Este artigo é sobre Carnaval. Pode também ser sobre uma escola-torcida, mas se você não é do samba, não vandalize. Seja engraçado e não apenas idiota, ou Sólon Tadeu vai atrás de você!
Winner 2.jpg Este artigo é sobre um(a) VENCEDOR(A)

Ganhar medalha de ouro é rotina, pô!

Veja outros campeões aqui.


Rainha da bateria.

Cquote1.png Isso é uma maldição! Cquote2.png
Neguinho da Beija-Flor sobre sequência de vice-campeonatos da Beija-Flor nos anos 90

Cquote1.png Foi um resultado justo que veio coroar o nosso trabalho. As pessoas tem que saber perder! Cquote2.png
Neguinho da Beija-Flor sobre a sequência de títulos conquistados por uma diferença suspeita enorme de pontos

Cquote1.png É de Nilópolis !!! Cquote2.png
Leandro Hassun sobre Beija Flor de Nilópolis

Cquote1.png Minhas fontes globais indicam que se todos em Niterói derem descarga ao mesmo tempo, Nilópolis explode !!! Cquote2.png
Tio Anizio sobre Nilópolis

Cquote1.png EU EU EU O BONINHO SE FUDEU Cquote2.png
Torcedores na Sapucaí durante a apuração do desfile de 2014 do qual a Beija Flor homenageou por pura admiração o Boninho e com isso, a escola só tirou nota baixa.

Cquote1.png Beija-Flor é a escola, que o meu irmão comprou! Cquote2.png
Farid Abraão David sobre Beija-Flor

Cquote1.png Batam palmas! No circo o show vai começar! Trago, a alegria em seu olhar. Abram alas que o palhaço vem brincar... Cquote2.png
Daniel Collête, sobre pessoas que ainda perdem tempo assistindo a apuração carioca

Cquote1.png A Beija-Flor revolucionou o Carnaval Carioca, pois ela sempre traz temas inteligentes e originais pro Carnaval, tais como Amazônia, África, Nordeste, Amazônia, África, Rio Grande do Sul, Amazônia, África, África, Amazônia, e pra variar um poquinho, de vez em quando ela também fala sobre... a Amazônia! Cquote2.png
Analista de Carnaval sobre Beija-Flor

Cquote1.png É a minha escola! Cquote2.png
Luis Zveiter sobre Beija-Flor
Cquote1.png Mais uma vez a Beija Flor faz um bonito carnaval pra você. Cquote2.png
Neguinho da Beija-Flor sendo muito otimista (lê-se iludido)

Mestre-sala.

Beija-Flor, popularmente conhecida como Beija-Globo ou Bicha-Flor, é uma escola de samba de propriedade de Anísio Abrão David, um procurado da Polícia Federal e empresário do setor zoológico nilopolitano. Além de comprar a Beija-Flor, Anísio também tornou-se proprietário do município de Nilópolis, dando-o de presente para seu irmão Farid administrar.

Inconformado com uma sequência de vice-campeonatos de sua escola nos anos 90, Tio Anísio decidiu fazer um profundo investimento monetário social no mundo do samba, promovendo o projeto Bolsa-jurado, onde concedia kits como ajuda de custo a jurados de classe baixa como Bruno Chateubriand, para que estes pudessem julgar com imparcialidade as escolas de samba.

O orçamento da Beija Flor estava baixo naquele desfile.

Analistas do Carnaval consideravam que em 2008 a Beija-Flor provavelmente não venceria, e daria a vez a sua co-irmã global Acadêmicos do Grande Rio. Mas isso não aconteceu, pois no quesito cara-de-pau a escola tirou nota 10 novamente e conquistou mais uma vez o Carnaval, provando de uma vez por todas que a Gincana organizada pelo prefeito César Maia tem bastante credibilidade, assim como as lutas de telecatch americanas, o Big Brother Brasil e o Soletrando.

Em 2009, a crise financeira dificultou os planos da escola de conseguir um novo tricampeonato. Mesmo assim Anísio Dick Vigarista Abrão David bolou um plano secreto para detonar sua arqui-rival, a Unidos da Tijuca. Com um enredo patrocinado pela ducha Lorenzetti, empresa de propriedade do churrasqueiro do Lula, a Beija-Flor encheu de água a passarela fazendo com que sua co-irmã tijucana não pudesse desfilar direito em seguida.

No entanto, após a apuração, quem realmente lavou a alma de muitos sambistas foi a vitória do Salgueiro, que assim como o Botafogo, só conquista um campeonato a cada passagem do Cometa Halley pela Terra.

Cquote1.png E ninguém cala, esse chororô!
Chora o Laíla,
chora o Neguinho,
chora a Beija-Flor
Cquote2.png
sambistas, sobre a Beija-Flor em 2009

Samba 2009[editar]

No chuveiro da agonia
Salve as mágoas, vou chorar,
segura, eu vou chorar!
Foi mandinga, foi magia
Eu perdi pra um tambor!
Levando um banho vem a Beija Flor (bis)

Já foi se o tempo
em que era fácil ser tricampeão.
Na hora da apuração eu mergulhei
Nas ondas da frustração!
Lá no enredo começou o meu sonho desmoronar
Um grande desprazer, não conquistei a globeleza
O Salgueiro imperou.
nem ir pro BBB adiantou.
Na quarta, a campeã renovou,
e festa? Só pro Neguinho que casou!
Chegou o ano das trevas, o caixão se fecha,
o sonho acabou
E o chope na quadra tá cancelado!
O meu tri foi excomungado!

As águas rolaram
As grandes voltaram,
clareou!
Salgueiro ganhou, Portela brilhou
e quase meu vice tirou! (bis)

Vila teve a esperança,
toda a escola é exaltada
Grande Rio disfarçada,
tentou falar francês e faliu!
E a Tijuca foi pro espaço, como o enredo sugeriu!
E na avenida, surge um cachorro, foi a personalidade!
Desfile chato amor,
que quase rebaixou a Mocidade.
Sobrou pro Império Serrano
nadar e morrer no mar,
pra fúria de Yemanjá!
Viradouro perdeu o encanto, ficou no seu canto
com um enredo sem pé,
e quem criou essa paródia
não passa de um Zé Mané!