Serviço de Atendimento ao Cliente

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Nota: Se procura pelo time desconhecido, consulte Salgueiro Atlético Clube


Loituma.gif Este artigo é sobre algo ou alguém que enche o saco e é muito irritante. Se você vandalizar, ele será seu tormento pro resto da vida!


Cquote1.png Você quis dizer: Saco Cquote2.png
Google sobre Serviço de Atendimento ao Cliente

Cquote1.png Serviço de Atendimento ao Consumidor Viviane Viva-Voz esteja tendo um bom dia! Cquote2.png
Viviane Viva-voz sobre Serviço de Atendimento ao Consumidor

Cquote1.png Senhor, o senhor vai estar precisando estar aguardando um momento na linha! Cquote2.png
Atendente sacana sobre consumidor

Cquote1.png Senhor, obrigada por estar aguardando, desculpe pela demora.... Cquote2.png
Atendente sobre consumidor

Cquote1.png Eu fui atendido em 3 segundos. Cquote2.png
Chuck Norris sobre Serviço de Atendimento ao Consumidor

Cquote1.png Senhor, o senhor já verificou se o equipamento está ligado na tomada? Cquote2.png
Atendente, sobre qualquer problema

Cquote1.png Senhor, o senhor já tentou estar desligando e religando o equipamento? Cquote2.png
Atendente, se o problema continuar

Cquote1.png Senhor, eu vou estar estando na linha, OK? Cquote2.png
Atendente sobre resolvendo o problema do consumidor

Cquote1.png Sua ligação é muito importante para nós. Cquote2.png
SAC sobre Cliente

Cquote1.png Esteja aguardando um minuto.... si,si,do,re,re,do,si,la,sol,sol... Cquote2.png
SAC sobre Como irritar com Beethoven

Cquote1.png Esteja aguardando um momento que vou estar transferindo. Cquote2.png
SAC sobre Como tirar o cliente da linha

Cquote1.png Esteja digitando o número Pi de trás para frente para estar falando com um de nossos atendentes... Cquote2.png
Gravação sobre Enigma da pirâmide para chegar até o SAC

Cquote1.png Nunca fui tão usado! Cquote2.png
Gerundismo sobre Serviço de Atendimento ao Cliente

Olá, em que posso estar ajudando? Sua ligação é muito importante para nós e estaremos providenciando o estudo de seu pedido. Por favor, esteja anotando o número do protocolo...


O Serviço de Atendimento ao Consumidor, também conhecido como SAC ou Cervisso de Atendimentu ao Konsumidô é um teste de paciência aplicado pelas grandes empresas que querem f**** com o nosso tempo e com a nossa pessoa propriamente dita. Sua forma mais comum é através de ligações telefônicas telefonicamente efetuadas.

SACO ou serviço de atendimento ao consumidor otário é o nome do serviço de respostas pasteurizadas que as empresas brindam seus fregueses.

Os SACs possuem uma grande cartilha de mandamentos. O primeiro é tocar quinze minutos no ouvido do cliente alguma musiquinha, costuma ser Für Elise de Beethoven. A voz do autoatendimento é feita por uma locutora com uma voz muito gostosa. Logo em seguida, você é atendido por uma voz com sotaque do interior do Piranhão. Logo em seguida, o SACo te transfere para as trompas para três atendentes diferentes, em que o cliente deve repetir a mesma história. Todos atendentes alegarão que irão transferir para outro departamento. Esta técnica é recomendada para checar se o cliente realmente quer falar algo importante. Logo em seguida, a função do atendente final é fingir que digita algo (supostamente a reclamação ou o pedido) e dar um protocolo monstruoso para o cliente anotar, de preferência com 9 dígitos, que serve para fazer Porra Nenhuma.

A função do protocolo é estranha. Seu objetivo é fazer o cliente perdê-lo, de forma que desista de retornar ao SAC por vergonha de não ter mais protocolo.

Alguns SACs pedem para o cliente ficar na linha e dar uma nota para o atendente. Esta é uma tática com a companhia Telefônica para fazer o trouxa cliente cortar seus gastar mais pulsos.

Cquote1.png O Serviço de Atendimento ao Consumidor pode te ajudar, mas prefere não fazê-lo! Cquote2.png
Sábio das montanhas sobre SAC

Prática[editar]

É uma prática aconselhada apenas para desocupados e aposentados.

Não deve de forma alguma ser praticado por:

Caso você goste de agilidade e abomine demoras, não, repito NÃO tente ligar para qualquer SAC. E não espere que seus seus problemas sejam resolvidos na primeira ligação.

Atendentes[editar]

Telefonista e seu diabólico enigmático sorriso.

Os atendentes são indivíduos comuns que ficam confinados em um grande salão com um sistema de ar condicionado incrível. Eles falam, falam e falam, tanto que os ecos podem ser ouvidos até 20 anos após eles deixarem o local.

Corredor da morte de atendentes, fábrica de mau-humor. Observe o entusiasmo e a alegria das jovens telefonistas.

São temperamentais e, não se sabe como, têm sempre uma desculpa na ponta da língua. Insistem que a culpa não é da empresa e insistem em desejar um irônico "bom dia" após o atendimento. São adeptos do gerundismo e outros vícios de linguagem. Fazem questão de perguntar até a cor da cueca antes de oferecerem o "rápido" e "ágil" atendimento.

Como estar irritando um Operador de Telemarketing[editar]

Atenção: Retirado de Operador de Telemarketing. Veja-o completo no artigo Operador de Telemarketing

1. Imite alguém famoso: Uma das primeiras perguntas dos serviços de telemarketing é: “Com quem estou falando?”. Responda na hora: “Silvio Santos, rarrái!”. Ou imite alguém famoso de sua preferência e tente levar a conversa normalmente. Ele vai ficar confuso e desligar. Funciona sempre.

2. Finja-se de gago: Se um atendente perde muito tempo com um cliente, é tido como improdutivo e corre o risco de perder o emprego. Use isso a seu favor. Logo na primeira resposta, dê início a uma gagueira insuportável, daquelas em que se leva mais de um minuto para terminar um simples “obrigado”. Em dois tempos o atendente desliga.

3. Jogue com as armas dele/dela: Assim que o atendente se apresentar, emende: “Desculpe interrompê-lo, mas não posso falar agora. Por que você não me deixa o telefone da sua casa que eu ligo mais tarde, depois das 10 da noite?”. O operador fatalmente dirá que não pode fazer isso e nessa hora você inicia um discurso sobre as inconveniências de ser importunado no sossego do lar. Tenha certeza de que ele/ela desligará antes de você.

4. Chá de cadeira: Diga na primeira oportunidade: “Espere um minutinho, sim?”. Deixe o telefone de lado e aproveite para fazer um chá, lavar louça. De minuto em minuto, convém voltar ao gancho e dizer: “Só mais um minutinho, tudo bem?”.

5. Finja-se de surdo: Qualquer coisa que lhe for dita ao telefone responda com um sonoro: “O quê?!”, ou “Como?!”, ou “Não escutei...”. Nunca responda outra coisa. Um dos mais eficazes métodos.

6. Responda tudo na língua do pê: Nenhum manual de telemarketing diz o que fazer quando o cliente só se comunica na língua do pê. Nossos interlocutores desistem já na segunda frase do diálogo. Obviamente, essa estratégia exige prática e fluência por parte de você.

7. Conte a história da sua vida: Dê uma de carente. Qualquer pergunta que o atendente fizer deve ser respondida com desabafos, casos longos e monótonos de sua vida e confissões de carência. “Que bom que você me ligou... há tempos que eu só conversava com meus periquitos...”. Pergunte se o atendente não quer ser seu melhor amigo. Peça para ele jurar que a partir de hoje ele vai te ligar todos os dias. Nunca mais ele liga.

8. Peça socorro: Interrompa o atendente e diga que você está sendo seqüestrado, que sua casa está em chamas e que seu filho está tentando o suicídio. Peça desesperadamente para o atendente chamar a polícia e os bombeiros e desligue em seguida.

9. Aja como em um trote: Duvide de que se trata de um telefonema real. Diga coisas como: “Ah, Meio-Quilo, para de sacanagem! Eu sei que é trote!”. Insista fanaticamente nessa ideia até que o atendente desista de você.

10. Simule uma masturbação: Assim que o atendente terminar a primeira frase diga coisas como: “Isso, hummm, continua, vai, não para, não. Ohhhhhhhh”.

11. Peça os dados dele: Quando um operador telefonar e pedir a confirmação de seus dados para atualizar o cadastro, responda que só poderá fornecer seus dados se ele lhe disser o nome completo e o número de matrícula (porque eles nunca tem sobrenome e o número de matrícula é pessoal e pode ser fornecido por você em uma reclamação).

12. Tenha também um procedimento: Ao receber um telefonema chato oferecendo a compra de produtos, diga que "irá estar verificando" se o valor da compra não "irá estar atrapalhando" o progresso financeiro da família. Peça-o para aguardar um minuto e faça a simulação de uma reunião familiar.

13. Faça consultas: Pra tudo o que ele disser, consulte seu marido, pai, mãe, esposa, irmão, avô, tios, cachorro, papagaio...

14. Tenha acessos: Quando ele estiver no meio da identificação comece a espirrar. Quando ele recomeçar, espirre e comece a tossir. Simule que você soltou gases, ele/ela ficará puto da vida. Na terceira tentativa, se houver uma, além de espirrar, tossir e peidar, diga pra ele esperar e vá ver TV.

15. Transfira a ligação: Se tiver uma extensão, diga: "Favor aguardar que estaremos te transferindo para setor de compras".

16. Confirme todos os dados do atendente novamente: Diga: "Por favor, esteja confirmando seus dados".

17. Imponha horários para contato: Desculpe, devido ao fato de estar no horário comercial, o nosso sistema de compras está inoperante no momento. Lamento por fazê-lo esperar.

18. Ofereça o seu produto: Estamos lançando um produto super, hiper, mega, único: o revolucionário Supercalaboqueitor-Tabajara. É um produto perfeito para quem trabalha horas a fio num ambiente com ar condicionado, preservando as suas cordas vocais.

Como a sra. foi a primeira a ligar, ainda vai levar de brinde, sem nenhum acréscimo, o revolucionário Super-Orelha-Proteitor-Tabajara. Um super protetor de orelha para ser usado por baixo do headphone. Você vai ficar imune às encheções de saco da sua chefia.

19. Assuste-o: Peça para falar com seu supervisor, com certeza ele estará fazendo o possível para fazer você mudar de ideia, oferecendo serviços não existentes, créditos extras falsos, etc. Aí você repete o nome do atendente e fala que vai reclamar dele outro dia.

20. Convide: Convide seu querido atendente para sair.

21. Seja querido: Seja querido com o atendente, a fim de fazer uma amizade para a vida toda.

22. Falar com o supervisor: Se você quiser fazer uma puta reclamação do seu atendente com o supervisor, e sabe que ele vai recusar a passar a ligação, faça o maior cinismo, diga que adorou o atendimento e quer registrar um elogio, com certeza, o supervisor já vai estar do lado para te atender.

23. Discuta sobre futebol: Pergunte que time ele torce, fale sobre o Campeonato Goiano de Futebol ou alguma coisa desse tipo, assim você estará livre dessa maldição.

24. Secretaria eletrônica: Finja ser uma secretária eletrônica, do pior jeito que você conseguir para ele perceber que está falando com um louco.

25. Dê outro número de contato: Diga que a pessoa que eles estão procurando agora mora na residência do Sr. Leão. Quando ele pedir o telefone, dê o telefone do Jardim Zoológico. É tiro e queda!!

Setores[editar]

Sim, no SACO por telefone tem variadíssimos setores, onde para cada um existe uma tecla para pressionar. Em cada setor há também sub-setores, e assim sucessivamente até o consumidor perder a paciência. O problema é que quase nunca se sabe o setor em que o que queremos se adequa, e entramos em qualquer um, e, após chegar no final dos sub-setores, descobrir que precisamos ligar para outro número.

Há também os setores ocultos, aqueles para os quais são os próprios atendentes que nos transferem. Os mais comuns são:

  • Setor de achados e perdidos
  • Setor de clientes que perderam a paciência com o setor anterior
  • Setor de clientes que não sabem qual o setor certo
  • Setor de clientes que querem a mamãe
  • Setor de clientes que precisam aguardar um momento na linha
  • Setor para ser transferido para outro setor

Musiquinhas[editar]

Para não aguardar com um vazio, um mudo, para saber que a ligação não caiu ou sabe-se lá porque cargas d'água, no SAC usa-se muita música, ou melhor, musiquinhas. Elas estão cada vez mais chatas. Uma possibilidade é que haja uso de musiquinhas na esperança de que o cliente durma antes de ter resolvido o problema, para evitar a fadiga.

Empresas[editar]

LUPO[editar]

Olá, recentemente adquiri três cuecas da Lupo, modelo Speedo. Acontece que após um dia de uso, a hora que eu tiro a cueca, ninguém aguenta o cheiro. A Valdirene, que é empregada de casa, disse que não vai lavar as cuecas por causa do odor, minha mãe também. Meu pai disse que pode ser problema de fungo na virilha ou coisa assim, mas isso não é, porque tenho boa higiene. O que faço??? Pode ser problema na fabricação das cuecas? Daniel

Resposta: Prezado Sr. Daniel, Agradecemos seu contato e sua preferência por nossos produtos. Informamos que seu relato sobre as cuecas é inédito.Acreditamos não se tratar de problema em nossa fabricação, pois, nunca tivemos nenhum problema desse tipo e trabalhamos com matérias-primas de qualidade. Atenciosamente, SAC - LUPO.

PHILLIPS[editar]

Olá, comprei um Philishave Micro Action Dupla Ação HQ 342 há algumas semanas e por necessidade resolvi usá-lo na região do saco escrotal, mas não obtive muito sucesso. Além da forte dor, notei pequenos cortes. Como não fui feliz em minha tentativa e tenho certeza que várias outras pessoas também passam por necessidades pessoais como essa, gostaria de deixar a minha sugestão para elaborarem um produto específico para esse fim. Se possível, para a região anal também. Desde já agradeço e aguardo retorno. Gilbert.

Resposta: Prezado Sr. Gilbert, Com referência à solicitação feita, informamos que este aparelho trabalha com lâminas que cortam bem rente a pele, neste caso, o saco escrotal possui uma pele bem fina e sensível, além de ser bem enrugado também, e por este motivo o senhor sentiu dor, e teve pequenos cortes. Pedimos encarecidamente para o senhor não tentar barbear o seu ânus com o aparelho pois os resultados podem ser desastrosos. Contamos com sua compreensão. Atenciosamente, Vinicius Decia CIC - Centro de Informações ao Consumidor Philips e Walita 0800-701-0203 - E-mail: [email protected]

SONY ERICSSON[editar]

Olá, eu sempre tive o costume de quando estou sozinha em casa, colocar o meu celular no modo de vibração e colocá-lo sobre o meu clitóris e em seguida ligava para mim mesma. Isso sempre foi algo que me trouxe muita satisfação, no entanto eu tenho ouvido muitos comentários na mídia em geral falando que celulares quando usados em excesso podem causar câncer. Gostaria de saber se essa informação é verdadeira e se eu corro o risco o de ter câncer na minha genitália. E qual é o número máximo de vezes que eu posso usar o celular por semana, sem correr o risco de ficar doente? Obrigada, Carmem

Resposta: Prezada Sra. Carmem, Obrigado por contatar o Serviço de Atendimento ao Consumidor da Sony Ericsson. Um telefone celular portátil um rádio-transmissor e receptor de baixa potência. Quando ligado, ele recebe e transmite, intermitentemente, sinais de radiofrequência. Durante uma chamada, os sinais são contínuos e o sistema que opera a chamada controla o nível de energia que o telefone transmite. Todos os telefones celulares portáteis da Ericsson são projetados para não exceder os limites de exposição aos sinais de radiofrequência estabelecidos por autoridades nacionais e internacionais de saúde. Esses limites são arte de diretrizes abrangentes e que estabelecem os níveis permitidos de exposição, pela popula ç ão, às ondas de rádio. QUALQUER MODELO DE TELEFONE CELULAR PORTÁTIL DA ERICSSON ATENDE AOS REQUISITOS DA ANATEL (AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES) RELATIVOS À EXPOSIÇÃO À RADIOFREQUÊNCIA RESOLUÇÃO 256) DE 11 DE ABRIL DE 2001). Caso necessite mais informações, por favor, entre em contato com a Central Sony Ericsson de Atendimento, nos telefones: (11)6224-8800 (São Paulo), 0800-7074444 (demais localidades) (...)

SOUZA CRUZ[editar]

Bom dia, gostaria de fazer uma reclamação. É sabido por todos que o cigarro é prejudicial à saúde devido a presença de alguns produtos químicos que podem causar diversas doenças. É óbvio que vocês, assim como eu, sabem disso. Minha reclamação se refere ao fato de minha sogra ser fumante há trinta anos e até agora não ter tido nenhum, nenhum mesmo, tipo de doença relacionada ao consumo de cigarro até agora... Considero isso lamentável, pois eu compro três maços de cigarro Derby pra ela por dia e até agora nada. E isso já faz dez anos!!! Apesar de desapontado com os resultados obtidos, pretendo continuar comprando para ela os cigarros dessa marca, pois não concordo com a pirataria de cigarros que tanto prejudicam o operário público. Dessa forma gostaria de ser informado sobre qual é o produto mais cancerígeno dessa empresa. Respeitosamente, André

Resposta: Sr. André, Agradecemos seu contato, o que muito nos honrou pela lembrança de nossa empresa. A Souza Cruz tem por princípio se comunicar somente com adultos. Para que possamos dar uma resposta sobre sua solicitação necessitamos comprovar a sua maioridade. Pedimos, por gentileza, que nos redirecione este e-mail informando o seu nome completo, o n°. do CPF, sua data de nascimento e telefone (com DDD), que entraremos em contato. Ainda para sua conveniência, colocamo-nos também à disposição para maiores informações através do telefone 0800 888 2223 (discagem gratuita) nos dias úteis, de segunda-feira sexta-feira, das 8:00 às 20:00hs ou acesse o site www.souzacruz.com.br Atenciosamente, Serviço de atendimento ao consumidor Tel: 0800 8882223 (discagem gratuita) [email protected]

TAURUS[editar]

Olá, recentemente um grande amigo meu me pregou uma baita peça, e eu preciso descontar. Como possuo uma espingarda modelo Delta, calibre 4,5 mm, gostaria de saber qual distância seria segura para dar um bom susto nele, ou seja, atirar, mas não para matar. Será que vocês poderiam me orientar??? Tenho medo de fazer alguma besteira. Obrigado, forte abraço.

Resposta: Prezado Senhor, Nossa orientação é de que o senhor não atire em seu amigo, mesmo que de brincadeira. Uma das regras de segurança para manuseio de armas é bastante clara: "Nunca, em nenhuma hipótese, aponte qualquer arma, carregada ou descarregada, para qualquer pessoa ou coisa que você não deseje atingir ou destruir. Atenciosamente, Departamento de Marketing Forjas Taurus AS

SADIA[editar]

Muito obrigado pela atenção. Há muito tempo venho utilizando a Linguiça Sadia como parceira sexual. Celibatário e homossexual por opção, gostaria de opinar sobre uma possível mudança na textura da mesma, que poderia apresentar sua superfície em alto relevo e um aumento do seu diâmetro, para aumentar o prazer. Seria possível?? Há alguma contra indicação para a penetração anal? Há alguma substância na salsicha que não seja indicada para isso?

Resposta: Caro consumidor, A salsicha Sadia não é prejudicial em nenhuma circunstância. Mas recomendamos utilizá-las apenas na culinária, pois existem produtos no mercado que atendem mais efetivamente os seus interesses. Atenciosamente Patrícia Galvão Relações com o Consumidor - Sadia

KODAK[editar]

Quero tirar algumas fotos íntimas com minha namorada, mas temo que quando elas forem reveladas algum funcionário do laboratório possa copiá-las. Existe alguma forma de evitar isso? Tenho também outra dúvida. Existe algum truque para que certas partes do corpo pareçam maiores quando fotografadas? Atenciosamente, Odisseu

Resposta: Prezado Sr. Odisseu, agradecemos o contato mantido conosco e o interesse demonstrado pelos produtos e serviços Kodak. Sugerimos procurar um laboratório de menos movimento e pedir para acompanhar o processo de revelação. Para que algumas partes do corpo possam parecer maiores quando fotografadas é necessário usar objetiva grande angular e fotografar debaixo para cima. Atenciosamente, Amanda Pereira, Centro de Informações ao Consumidor Kodak Brasileira

TELEFÔNICA[editar]

ATENDENTE: BEM VINDO AO SUPORTE TÉCNICO DA TELEFÔNICA ZUMBI DOS PALMARES BOA TARDE! CLIENTE: BOA TARDE! ATENDENTE: Em que posso ajudá-lo? CLIENTE: LUBALUBA ATENDENTE: EM QUE POSSO AJUDAR SENHORA ANTALINA? CLIENTE: DA DANDO ERRO 691! ATENDENTE: TEM PROVEDOR SENHORA? CLIENTE: MINHA FILHA ACABOU DE LEVAR!

OBS.: SERÁ QUE ELA ACHOU QUE PROVEDOR ERA O CORNO DO NAMORADO DA FILHA DELA, UM VELHINHO DE 80 ANOS JÁ QUASE BATENDO AS BOTAS?

Ver também[editar]

Empresa
v d e h
PR
PR